05/04/2013

43

Meus Poemas-44




Meus Poemas-44
0

DESERTO.

Desertos que percorridos,
Caminhos por que passei,
Sem serem passos vividos,
Nem no coração nascidos,
Veredas sós, que não criei.

Chuva que não desceu,
Como deserto que secou,
Porque a água não correu,
No jardim que não é meu,
Nem fui eu que o criou.

Porque o verão que não passa,
Castiga a vida somente,
Chegando a sombra da graça,
Enchendo a humilde taça,
Saciando a sede que a alma sente.

Subindo ao monte então,
Longe da sombra do medo,
Com dilacerado coração,
Pregando o rosto no chão,
Na sombra do arvoredo.
Por: António Jesus Batalha.

0

UMA LÁGRIMA.

Uma lágrima derramada,
Na escuridão da noite,
Do caminho que vivido,
Na luz do sol que não morre,
Da sombra que trás a secura,
No espreitar a luz da noite,
De mansinho sem nada querer,
Vai correndo como um ribeiro,
Ganhando força na descida,
Alagando a planície,
Sem nada que impedir.
Por: António Jesus Batalha.

0

O GRITO.

Grito de boca fechada,
Num vale que não conheço,
Ecos da sombra passada,
Na vida que foi mudada,
Em lagos que desfaleço.

Deitado no caminhar,
Com pedra no coração,
Em deserto a desmaiar,
Esperando o sol raiar,
Ou uma forte amiga mão.

Torrentes que vêm teimando,
Para sair das suas grutas,
Sombras do vale queimando,
Como ocas trombetas soando,
O aproximar das fortes lutas.

Porque existe eu não sei,
O caminho da dura cruz,
Mas purificado eu serei,
Feito filho do Eterno Rei,
E um remido por Jesus.
Por: António Jesus Batalha.



A Verdade Em Poesia, António Batalha, Bíblia Sagrada, Ciência, Desporto,Meus Poemas, Deus,Jesus Cristo,


43 comentários:

  1. Olá amigo Antônio, belo poema, gostei!
    Beijos! Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Lindos poemas, amei ler, sempre aprendemos algo de novo!
    Abraços!

    ResponderEliminar
  3. Lindo,lindo!!
    Deus te ilumine sempre ,
    abraços

    ResponderEliminar
  4. Adoro todos os seus poemas, meus parabéns!
    Fraterno Abraço!

    ResponderEliminar
  5. Adoro todos os seus poemas! Meus parabéns!
    Fraterno Abraço!

    ResponderEliminar
  6. Boa noite António!!!
    Muito feliz ao ler seus poemas, parabéns por todos, mas gostei especialmente do poema Deserto, pois amo chuva e fiquei a pensar uma chuva no deserto. Pensa...
    Aproveito para agradecer por seguir meu blog, fiquei mega feliz.
    Espero nos vermos mais vezes...
    Tenha uma semana feliz e abençoada.
    Abraços da Bia!!!

    ResponderEliminar
  7. Olá amigo,
    Sua poesia é lindíssima, gostaria que você visse a poesia que eu postei no meu blog, Já que perdeu o rumo dele.rsrs
    Um abraço
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  8. Olá Antônio tudo bem? Vim agradecer sua visita em meu cantinho e pelas palavras de carinho. Gostei muuito de suas poesias. Aproveito para lhe desejar um sexta feira abençoada e um ótimo fim de semana. Abraço...

    ResponderEliminar
  9. Parabéns Batalha, pelo talento e disposição!
    Deus continue te abençoando amigo.

    ResponderEliminar
  10. Lindos teus poemas, amigo, cheios de sentimento e inspiração.

    "Mas purificado eu serei,
    Feito filho do Eterno Rei,
    E um remido por Jesus." Amei!!!

    Deus te abençoe!

    ResponderEliminar
  11. Olá!!

    Quer ganhar dinheiro com seu blog trabalhando 1h por dia?
    Não precisa vender nada e nem indicar pessoas.

    Acesse: http://ganhosweb.com

    ResponderEliminar
  12. Antonio,vim reler suas maravilhosas poesias!bjs e bom final de semana!

    ResponderEliminar
  13. Lindos poemasmeu amigo!
    Beijo enorme pra vc!
    Lindo final de semana!

    ResponderEliminar
  14. Belos versos, António Batalha. Obrigado por compartilhar!
    Abraços e tenhas um ótimo domingo.
    Gilson.

    ResponderEliminar
  15. Lindo seu poema,Antônio.

    Estou seguindo vc aqui também neste seu outro blog.

    Quanto a seu comentário,pode deixar só a imagem no banner,desde que ela leve ao meu blog.

    Para facilitar,o bom é deixar a imagem com o link para clicar abaixo.


    Ótima quinta


    Donetzka

    ResponderEliminar
  16. Ola! estou retribuindo sua visita. Obrigada. Gostei muito dos blog, goste de poesia
    quando criança meus autores preferidos Drummont, Cecilia Meireles, e vc me fez voltar ao tempo ao ler sua poesia. Vivemos em um mundo tão corrido, que deixamos de perceber a poesia do nosso dia-a-dia. Um grande abraço Sou sua seguidora.
    htt://lilizinhaevangelizando.blogspot.com

    ResponderEliminar
  17. Com rimas perfeitas cantas um hino.
    LINDO!
    Um abraço e muito obrigada pela visita.
    Até qualquer dia.
    Ivany

    ResponderEliminar
  18. Pessoal
    Ajudem comprando qualquer item da promoção da lojinha para ajudar nas despesas dos animais resgatados que aguardam adoção em lar temporário
    http://adoteumfocinhocarente.blogspot.com.br/2013/04/mais-coisinhas-novas-na-lojinha-itens.html


    ou comprando qualquer numero da rifa
    http://adoteumfocinhocarenterifas.blogspot.com.br/

    Por favor, ajudem na divulgação. Quem sabe aquele amigo que vc nem sabia quer adotar um animalzinho??
    WWW.adoteumfocinhocarente.blogspot.com

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde António. Você já segue o meu blog, só não aparece a sua foto, somente o nome. Eu também sigo o seu maravilhoso blog.
    Seus poemas vem de dentro da alma e escritos com muita naturalidade.
    Parabéns.
    Obrigada pelo carinhoso comentário no "REDESCOBRINDO A ALMA"
    Beijos na alma e paz!

    ResponderEliminar
  20. Parabéns pelo blog,lindos poemas.
    Estou seguindo teu blog pois amo poemas.

    ResponderEliminar
  21. Olá irmão, a paz do Senhor seja contigo! Desculpe-me a demora em responder seus comentários. Estou seguindo seu blog, linda poesia sobre o deserto. No que puder ajudar para a divulgação de minhas mensagens agradeço. Que o Senhor te use sempre! Paz.

    ResponderEliminar

  22. Alô Antonio!

    Queria eu ter talento para escrever poesias!
    Palavras bem colocadas,tradução dos seus pensamentos
    tão sinceros!

    abs///////

    ResponderEliminar
  23. Oi Antonio, bom dia, versos muito bonito bem inspirados, se é uma coisa que gosto e de poesia , obrigado por compartilhar. Um abraço fraterno. Celina.

    ResponderEliminar
  24. Linda poesia! parabéns! Tenha um bom dia!

    ResponderEliminar
  25. Lindas poesias!

    Sentimentos verdadeiros... traduzidos em palavras.
    =* bjs

    ResponderEliminar
  26. Bom dia Antonio

    Muito bela sua poesia
    Mulher maravilhosa é aquela que o bom homem escolhe para ser a mãe dos seus filhos.
    Obrigada pela visita.
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  27. Olá!!!, belo blog amei sucesso Deus seja contigo, OBRIGADO PELA VISITA
    Curta e participe do meu blog e fan page
    http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  28. Vento
    Deserto
    Chuva...
    Gosto desta natureza
    inspirando poesia
    abraço

    ResponderEliminar
  29. A Verdade em Poesia contém vários poemas encantadores.
    Voltarei mais vezes.

    Gemária Sampaio

    ResponderEliminar
  30. Olá, querido amigo António!

    Fiquei muito feliz por ter visitado o meu blogue e deixado umas palavrinhas.

    Então vive em Odivelas, portanto, pertíssimo de Lisboa, é Evangélico, casado há 40 anos (tanto tempo, António!) tem uma filha e também segundo julgo, já é avô.

    Estive a ver a data da publicação deste seu poema, que é do começo de Abril. Então, mas tem tido muitos afazeres, ou algum problema de saúde seu ou da família, para não postar mais vezes?
    Desculpe lá a pergunta, a que só responderá, se pretender.
    Se quiser, pode usar o meu endereço de e-mail.
    Eu tenho andado bastante atarefada, porque sou Professora, e nesta altura do ano, temos muito que fazer.
    Pois, encontrámos Deus há muito tempo, desde que nascemos.
    Eu, católica, o António, Evangélico. E de que igreja? Claro, cristã, mas há muitas, como sabe dentro do meio Evangélico.

    Gostei que gostasse do que escrevo. Leu? Gostou das imagens?
    A beleza sempre encheu os olhos do Criador e Deus, ELE, é amor.

    Um beijo, com muita amizade e vá aparecendo nos meus blogues, porque ali não se perde, ACHA-SE.

    PS: não digo em Jesus Cristo, porque isso está impícito.

    ResponderEliminar
  31. Gostei do poema Deserto, parabéns continue assim
    http://www.jeitosimplesdeser.com.br/
    https://www.facebook.com/jeitosimplesdeser
    e boa tarde

    ResponderEliminar
  32. Meu marido e eu agradecemos sua visita em nosso Blog e já estamos seguindo o seu também e gostamos muito de tudo por aqui, fique com Deus.

    ResponderEliminar
  33. Olá, Antônio

    Estou feliz com a sua gentil visita ao meu blog Lugares da Palavra e pelas suas palavras gentis e elogiosas.
    Devo-lhe dizer também que estou bem encantado com o seu espaço de poesia e ensinamentos.Vou segui-lo com prazer e certamente seu blog estará entre os meus roteiros de visitas.
    Parabéns pelo poema e por tantos outros que oportunamente pude ler por aqui.

    Abraço,

    Aureliano.

    ResponderEliminar
  34. Olá! Fiquei feliz com a visita e agradeço . Com certeza passarei a seguir também. Parabéns... Muito lindo os poemas, com certeza sempre que posso vou passar, para ler.

    E seja bem vindo no meu blog, meu novo amigo, um grande abraço.

    Vera Lucia

    ResponderEliminar
  35. Olá Antônio!
    Agradeço pela visita e comentário carinhoso além de sua energia positiva.
    Seus poemas são belos e intensos.
    Seja sempre bem-vindo.
    abraço

    ResponderEliminar
  36. Olá António! :)

    Gostei dos 3 poemas, principalmente do terceiro.
    Todos temos desertos para atravessar, cruzes às costas para carregar. Mas isto é viver. Vivemos num mundo de provas, onde reencarnamos para resgatar os nossos karmas, ou se preferires, os nossos pecados. É a lei de causa e efeito, a lei do retorno. Portanto, não devemos chorar nem lamentar a cruz que carregamos. Devemos é pedir a Deus que nos dê força para continuarmos a subir essa montanha, ou essa caminhada do deserto para que encontremos o oásis, ou cheguemos ao topo.

    Beijinhos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    http://jakeemary.blogspot.com

    ResponderEliminar
  37. parabéns pela sua arte, muito lindo, toca a alma da gente

    ResponderEliminar
  38. Não amigo António,
    definitivamente não!
    O poeta aqui é você.
    Não sou escritor
    e nem poeta,
    escrevo o que vem
    na mente e no coração
    apenas para ilustrar
    as minhas fotos.
    Abraço

    ResponderEliminar
  39. Vim retribuir a visita - obrigada pelas palavras no dona-redonda e tornei-me seguidora para ser mais fácil voltar.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  40. Antonio.

    Que poesias lindas!

    Encontrei esse seu blog,já o sigo e coloquei na minha listas de blogs amigos.Recebi atualização e aqui estou.

    Tem posts novos no meu.

    Ótima sexta.

    Beijinhos


    Adriana (Dryka)

    http://www.suasenossas.blogspot.com.br


    Face Book:Adriana Paz

    ResponderEliminar
  41. Antonio.Estou encantada com seus poemas!

    Obrigada pela visita,Antonio.

    Realmente quem fez esse banner fui eu e não entendo muito disso.

    Pode fazer com o nome de meu blog e vou tentar salvar e colocar no lugar desse.

    Obrigada.Estou precisado mesmo divulgar meu blog.
    Seu blog tem poemas lindos.

    Vc pode compartilhar um deles no meu espaço enviando para meu email:

    pazpio@bol.com

    Eu o postarei com os créditos de autoria e o link de seu blog para divulgar.

    Qdo puser o banner com o código,me avisa comentando,Ok?

    Beijinhos e linda sexta.


    Adriana (Dryka)


    http://www.suasenossas.blogspot.com.br

    Face Book:Adriana Paz

    ResponderEliminar
  42. Antonio.

    Notei que meu banner está correto,porque uma amiga copiou o código do meu,colocou no blog dela e quando se clica nele,chega-se ao meu.

    Já publiquei seu poema Rouxinol e divulguei seu espaço com o link de seu blog.

    Beijinhos e ótimo fim de semana


    Adriana (Dryka)


    Face Book: Adriana Paz

    ResponderEliminar


se gostou deixe a sua openião
Obrigado!!!